quarta-feira, 5 de abril de 2023

Fortaleza encerra o 1º trimestre de 2023 com redução de 25,3% nos Crimes Violentos Letais Intencionais

 


O trabalho realizado pelas Forças de Segurança do Ceará resultou em uma redução de 25,3% nos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), no município de Fortaleza, no primeiro trimestre de 2023 em relação ao mesmo período no ano passado. De acordo com os dados compilados pela Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foram 168 casos este ano, enquanto nos três primeiros meses de 2022, foram 225 ocorrências na Capital.

As ações de combate à criminalidade também tiveram um resultado positivo em relação aos casos de CVLIs registrados no Ceará. Entre janeiro e março de 2023, foi registrada uma diminuição de 3,4% nos casos em todo o Estado em comparação com o mesmo intervalo de tempo do ano passado. No primeiro trimestre de 2023, foram 728 crimes desse tipo, no estado, já nos três primeiros meses de 2022, foram 754. O número registrado no período é o menor desde o ano de 2020, quando foram registrados 1.083 casos no primeiro trimestre.

No Ceará, o mês de março apresentou uma variação de 0,4%, quando comparado com o mesmo período de 2022, indo de 227 para 228 casos. Apesar da variação, esse é o melhor resultado mensal do indicador CVLI dos últimos nove meses.

O mês de fevereiro deste ano já havia registrado redução na Capital em relação ao período equivalente do ano anterior, quando houve uma retração de 28,2% nas mortes violentas. A redução também foi registrada em todo o Estado, onde houve uma retração de 9,8% durante o período. O Estado fechou ainda o ano de 2022 com redução de 10% nos casos.

Nessa segunda-feira (3), a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) havia divulgado que o município de Sobral encerrou o mês de março sem nenhum registro de mortes por crimes violentos. A redução foi de 100% em relação ao mesmo mês no ano anterior, quando houve registro de três casos no município.
Denúncias

As denúncias são importantes para a investigação e captura de suspeitos de participação nos CVLIs. A população pode contribuir por meio do número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prefeitura de Tauá